Sua versão do navegador está desatualizado. Recomendamos que você atualize seu navegador para uma versão mais recente.

Destaques

Visualize este website em seu computador, tablet ou celular!


Encontre num só lugar todos os seguros que o Médicos e Dentistas podem ter para trabalharem mais tranquilos.

Mais >>


Você, profissional liberal ou autônomo, sabe que ficar impossibilitado de trabalhar, ainda que por poucos dias, significa perde de clientes e de rendimentos.

Mais >>

Atendimento em todo o Brasil

Incentivo Fiscal da Previdência Privada

Conheça os tipos de cálculos. A diferença que você sente no bolso. Para quem faz a declaração completa do Imposto de Renda, o incentivo fiscal faz toda a diferença, porque permite deduzir o que você investe no plano de previdência até 12% da sua Renda Bruta Anual, um valor muito significativo.

==

Abaixo você vai verificar que você ganha com a previdência privada pagando menos impostos.

Conheça também o Regime de Tributação que irá escolher. Mas, não se preocupe nós o assessoramos para você escolher exatamente o que você precisa para se beneficiar do incentivo fiscal.

Cálculo do Imposto de Renda

SEM 
Previdência

COM 
Previdência *

Renda Bruta Anual

R$ 40.000,00

R$ 40.000,00

( - ) Contribuições para Previdência

---

R$ 4.800,00

( = ) Base de Cálculo

R$ 40.000,00

R$ 35.200,00

Imposto a Pagar

R$ 9.000,00

R$ 7.920,00

( - ) Parcela a Deduzir

R$ 5.806,08

R$ 5.806,08

Imposto Devido

R$ 3.193,92

R$ 2.113,92

* Redução do Imposto de Renda

R$ 1.080,00

* Incentivo válido somente para as contribuições efetuadas nos planos do tipo PGBL

 


Calcular Previdência Privada: Clique aqui para obter a simulação.

Calcular Previdência Infantil: Clique aqui para obter a simulação.

Atendimento: É possível contratar esse seguro de qualquer cidade do Brasil.

Tire suas Dúvidas: Clique aqui e nós entraremos com contato.


 

Regimes de Tributação

» Alíquota Regressiva: As alíquotas são decrescentes de acordo com o prazo em que os recursos permanecem no plano de previdência.  Assim, tanto para quem optar por resgatar de uma só vez o montante acumulado como para quem desejar receber o benefício em forma de renda, as alíquotas do Imposto de Renda diminuirão, de acordo com o prazo que os recursos ficarem aplicados no Plano. Observe a seguir:

Prazo de Acumulação

Alíquota

Inferior ou igual a 2 anos

35%

Superior a 2 anos e inferior ou igual a 4 anos

30%

Superior a 4 anos e inferior ou igual a 6 anos

25%

Superior a 6 anos e inferior ou igual a 8 anos

20%

Superior a 8 anos e inferior ou igual a 10 anos

15%

Superior a 10 anos

10%

 

» Alíquota Progressiva:  Para quem resgatar de uma só vez o dinheiro aplicado no plano, o imposto de renda incidirá sobre o valor do resgate, com base na alíquota única de 15%. No momento da Declaração de Ajuste Anual de IR, esse mesmo imposto poderá ser restituído ou compensado.

E, para quem receber o dinheiro como uma renda mensal, o Imposto de Renda incidirá diretamente sobre os benefícios recebidos, de acordo com as seguintes alíquotas:

Tabela Progressiva Mensal do IRPF

Ano Calendário 2016

Base de Cálculo

Alíquota

Parcela a Deduzir do IR

Até 1.903,98

-

-

De R$ 1.903,99 até R$ 2.826,65

7,5 %

R$ 142,80

De R$ 2.826,66 até R$ 3.751,05

15 %

R$ 354,80

De R$ 3.751,06 até R$ 4.664,68

22,5 %

R$ 636,13

Acima de R$ 4.664,68

27,5%

R$ 869,36


Compartilhe esse seguro